© 2017 Todos os direitos reservados. edjastos.com.br

O Brasil é segundo país mais estressado do mundo

18.06.2019

Qual o impacto disso nos resultados Estéticos?  

 

Com certeza, no Brasil, o principal fator desencadeador de estresse é o estresse ocupacional. O estresse da vida profissional,  atinge 69% da população brasileira. Os indivíduos estão cada vez mais desmotivados e insatisfeitos com seu trabalho. No topo da lista, a longa jornada de trabalho está impactando diretamente o estilo e a qualidade de vida das pessoas. Parece que as pessoas têm menos tempo. O dia continua tendo 24 horas, mas a média está sendo de 12 horas de trabalho por dia, se somarmos tempo no transporte, tarefas como preparar reuniões, lista de compras, pagar contas e etc essa carga horária pode ultrapassar as 16 horas. 

 

 

Qual o impacto disso na estética? Será que essa super jornada atrapalha os resultados da academia ou estética? Vamos discorrer um pouco mais sobre o tema enquanto você pensa.

 

As pessoas vivem angustiadas com medo de perder o emprego ou não bater as metas. Exemplo profissionais que atuam na estética, muitas vezes tem que atender, cuidar da agenda, administrar, sem falar das redes sociais , essas profissionais ficam sobrecarregadas e estressadas. Sem falar que clientes querem milagres.Elas se espelham nas artistas que emagreceram rapidamente após uma gestação. E ainda tem a industria dos aparelhos que investe pesado em publicidade direcionada para a cliente final, mal laçam o aparelho a sua cliente já está pedindo, pois ela viu que atriz tal teve ótimos resultados com a técnica. Não estou aqui fazendo juízo de valor e sim exemplificando o estresse profissional de quem atua nesse mercado.

 

Volto a perguntar qual o impacto disso na estética?O desafio é que as pessoas querem mudar ou melhorar a sua aparência porque elas notam que não estão bem. Mas elas não querem ou não tem tempo para mudarem nada ou seja a profissional da estética tem que operar verdadeiros milagres.

 

Nos homens a vontade de mudar ocorre geralmente entre os 35 e 45 anos de idade. Nas mulheres esse desejo de mudança vem bem mais cedo: entre os 25 e 35 anos.

 As mulheres estão cada vez mais conquistando posições executivas, sendo mais cobrada, ao mesmo tempo têm aquela vontade de ter filhos, ter uma família e ela fica naquela angústia, pois o tempo está passando.

 

Como já citei o estresse atinge 69% dos brasileiros, ou seja, 69% das suas clientes estão estressadas. Vamos entender os efeitos negativos do estresse excessivo sobre os principais sistemas.

 

Sobre o sistema digestivo

Entre os efeitos negativos do estresse sobre este sistema estão: úlceras de estômago, síndrome do intestino irritável, dispepsia funcional, colite ulcerativa, aerofagia, gastrite. Além disso, contribui para maus hábitos alimentares, tais como: comer fora de hora, comer junk food, deixar de comer e outros comportamentos relacionados.

Sobre o sistema respiratório

Aqui, o estresse pode agir direta ou indiretamente. Indiretamente pode aumentar a propensão a doenças respiratórias devido ao enfraquecimento do sistema imunológico. Diretamente pode produzir: hiperventilação, dispneia, asma psicogênica e sensação de sufocamento.

 

Sobre o sistema cardiovascular

Esse é um dos sistemas mais afetados pelo estresse, e alguns de seus efeitos podem ter resultados fatais. Entre eles estão: taquicardia, arteriosclerose, angina pectoris, infarto do miocárdio, extra-sístoles, taquicardia crônica, etc.

Nos músculos e na pele

o estresse pode ser mascarado por outras causas. Pode causar acne, psoríase, prurido, eczema, dermatite, cãibras musculares, dor, rigidez, soluços e hiperreflexia, alopecia e assim por diante.

 

Sobre o sistema nervoso

Os efeitos negativos do estresse são tão variados que nos fazem refletir sobre o estilo de vida que levamos e suas consequências. Desde problemas de ansiedade, irritabilidade, perda de memória, dores de cabeça, enxaqueca, vícios, depressão, distúrbios do sono, bloqueios mentais, transtornos de personalidade, o desenvolvimento de fobias e medos, distúrbios alimentares, entre outros.

 

Qual o impacto disso na estética? Agora que já fizemos um pequeno resumo do impacto negativo do estresse nos principais sistemas, vamos aplicar essas informações aos procedimentos estéticos. 

 

Redução de gordura localizada ou emagrecimento: Depende principalmente do sistema nervoso e digestivo estar em equilíbrio. Isso exige produção adequada de serotonina e dopamina nos intestinos e liberação no cérebro, quando isso não ocorre vem ansiedade e fome compulsiva. Esse exemplo podemos ampliar para todas as disfunções estética:clareamento de hipercromia, rejuvenescimento facial, redução de celulite, flacidez e outras disfunções como foliculite,acne. e alopecia.

 

Técnicas como massagem relaxante, meditação, acupuntura, Florais e Terapia Bioortomolecular podem ajudar a amenizar os efeitos negativos do estresse. Na Terapia Bioortomolecular os terapeutas utilizam avaliações especificas para detectar o nível de estresse oxidativo. Quer saber um pouco mais assista o video abaixo.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Compartilhar no Facebook
Please reload