© 2017 Todos os direitos reservados. edjastos.com.br

COMO PREVENIR SEROMAS E FIBROSES PÓS CIRURGIA?

Como prevenir os Seromas e Fibroses pós cirurgia?

 

Antes vamos entender o que são Seromas e Fibroses como se formam? Quando se formam? Por que se formam?

 

Mas o que são Seromas e Fibroses?

 

Seroma: 

 Uma disfunção que pode acontecer após qualquer cirurgia, e é caracterizado pelo acumulo  de líquido que fica retido próximo a cicatriz cirúrgica causando inflamação.

 

Fibrose:

 

 É a expansão de tecido conjuntivo fibroso, que prendem a pele ao músculo, deixando-a com uma aparência irregular. Ela é uma cicatrização interna de um tecido formado por colágeno, que está presente em cada local que a cânula da lipo moveu-se, entre a pele e o músculo. A fibrose deixa a pele com uma aparência irregular e endurecida. São mais comuns em lipoaspiração, colocação de prótese de silicone e abdominoplastia.

 

O que você profissional precisa saber sobre Fibroses

 

Por que ela ocorre?
Como uma boa parcela das cirurgias plásticas são constituídas de métodos invasivos, isso desencadeia uma reação do sistema imunológico. No caso de uma lipoaspiração, por exemplo, quanto maior a quantidade de tecido adiposo  retirado, maior será a agressão e, consequentemente, maior será a reação do organismo.
Com isso o organismo trabalha para uma cicatrização anormal, que pode ser irregular na região onde foi realizada a lipoaspiração e também na incisão operatória.
A fibrose é como um edema que estimula os fibroblastos a produzirem muito tecido cicatricial.

 

Primeiro Sinais?
 
Normalmente ocorre por volta de 1 semana após a cirurgia .

 

Possíveis causadores:
  • Não cumprimento do período de repouso.

  • Pegar peso.

  • Mau uso da cinta cirúrgica.

  • Reação natural do organismo ao procedimento cirúrgico invasivo.

  • Não realizar os procedimentos pós cirúrgicos como Drenagem linfática e uso de ultrassom.

O que você profissional precisa saber sobre Seromas.

 

Por que ele ocorre?

Em procedimento de lipoaspiração ou abdominoplastia, por exemplo, com a retirada de gordura ficam espaços vazios e são nesses espaços que retém os líquidos (pode ser por rompimento de pequenos vasos ou extravasamento de linfa ou soro).

Primeiro Sinais?

O início do seroma pode ser imediato. No procedimento de lipoaspiração ele pode acontecer já nas primeiras 24 horas, mas é mais visível no sétimo ao décimo dia, sobretudo nos casos de abdominoplastia.

Sinais:
  • Aumento de densidade da região em que foi feito a cirurgia ;

  • Presença de de acumulo líquido no apalpamento;

  • Ausência de calor no local e vermelhidão.

 

Seromas e fibroses podem ser evitados?

Sim.

Primeiro, é importante frisar que o aparecimento de fibroses e seromas não é uma regra, mas existe possibilidade em corpos mais suscetíveis ou em pessoas que não cumpram as recomendações médicas no pós-operatório. Pode ser evitado fazendo um pós-operatório com drenagens linfáticas e ultrassom.

Você profissional pode utilizar os recursos da estética Bioortomolecular para auxiliar no processo de recuperação de pós operatório .

Para saber mais assista a aula abaixo .

 

 

 

Compartilhar no Facebook
Please reload